>

Qualicorp explica

Pesquisar Artigos
  • Riscos da gravidez depois dos 35 anos

  • saiba mais.
  • Publicado em: 10/02/2016 00:00

 

O relógio biológico é um fato da vida e vários riscos devem ser avaliados ao se tomar a decisão de engravidar depois dos 35 anos. Primeiro, a mulher deve estar ciente de que pode levar mais tempo para engravidar.

Ao atingir os 30 anos, os óvulos podem diminuir em qualidade e a ovulação ser menos frequente, mesmo tendo períodos regulares. E os óvulos não são fertilizados tão facilmente como os de uma mulher mais jovem.

Além disso, as chances de ter gêmeos aumenta com a idade, bem como a propensão para desenvolver diabetes gestacional. Alguns estudos sugerem que a pressão arterial elevada que se desenvolve durante a gravidez pode ser mais comum em mulheres mais velhas.

Há também maior risco de complicações relacionadas com a gravidez e o risco de anormalidades cromossômicas também é maior, como a síndrome de Down. Além disso, o risco de aborto aumenta.

Por isso, deve-se procurar atendimento pré-natal regular, manter uma dieta saudável, controlar o aumento de peso para ganhar a quantidade certa e manter-se fisicamente ativa, mas sempre com consentimento médico.

Também é preciso evitar substâncias de risco, como álcool, tabaco e drogas ilícitas e informe-se sobre os testes pré-natais para anomalias cromossômicas. Eles fornecem informações sobre o risco de anormalidades específicas e também de aborto espontâneo.



Referências:
http://drauziovarella.com.br/mulher-2/gravidez-apos-os-35-anos/
http://www.abcdasaude.com.br/artigo.php?664