>

Qualicorp explica

Pesquisar Artigos
  • Conheça os perigos do inverno

  • Saiba mais.
  • Publicado em: 08/05/2015 13:58

Com a aproximação do inverno, aumenta a incidência de infecções respiratórias simplesmente pela tendência de aglomeração de pessoas em lugares com janelas e portas fechadas para se proteger do frio. Nesses ambientes pouco ventilados, o contato das pessoas facilita a transmissão de vírus e bactérias de uma para outra.

Problemas respiratórios mais frequentes no inverno

1- Gripe (influenza);

2- Resfriado;

3- Rinite alérgica;

4- Sinusite;

5- Bronquite crônica;

6- Asma;

7- Pneumonia;

8- Enfisema.

 
  Ainda não possui um plano de saúde?
Clique e encontre as melhores opções para você.
 

Diagnóstico

Os sintomas de uma doença respiratória são muito parecidos, por isso somente um médico especializado pode determinar o correto diagnóstico e o tratamento a ser adotado.

Grupos de risco

Os grupos mais suscetíveis aos problemas respiratórios e suas complicações são: gestantes, idosos, doentes crônicos (diabéticos, obesos, hipertensos e cardíacos) e crianças entre 6 meses e 5 anos.

Medidas preventivas

Ao invés de adotarem medidas de precaução, para evitar o surgimento de doenças respiratórias, as pessoas normalmente preferem procurar tratamento depois de a doença ter se instalado, o que implica em gastos, perda de tempo e agravos ao estado de saúde do indivíduo.

1- Higienizar as mãos com frequência;

2- Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir e lavar as mãos em seguida;

3- Não compartilhar copos, toalhas e objetos de uso pessoal;

4- Manter o ambiente ventilado e iluminado pelo sol;

5- Evitar locais com grande população;

6- Fortalecer o sistema imunológico, mantendo uma alimentação saudável, ingerindo bastante água e praticando atividade física mesmo nos dias frios;

7- Ingerir alimentos que aceleram o metabolismo e opções mais calóricas, já que o corpo tende a gastar mais energia para manter o calor;

8- Evitar mudanças bruscas de temperatura;

9- Proteger o pescoço com cachecol ao sair para um local frio. As cordas vocais são muito sensíveis à mudança de temperatura;

10- Não esperar estar em contato com o ar frio para se agasalhar;

11- Agasalhar adequadamente as crianças, principalmente as menores de 1 ano, cujo centro termorregulador está em fase final de maturação;

12- Aquecer o ambiente para evitar mudanças bruscas de temperatura, porém usar umidificadores ou bacias com água para aumentar a umidade do ar;

13- Deixar roupas de inverno e cobertores no sol e lavá-los periodicamente, para evitar que criem bolor ou que absorvam a umidade do ar.

Consulte regularmente o seu médico.

Fonte: Conteúdo Qualicorp

Abrir