>

Qualicorp explica

Pesquisar Artigos
  • Até quando amamentar?

  • Saiba mais.
  • Publicado em: 20/08/2018 13:51

Saúde e Bem-Estar 20. Ago. 2018

Mais do que nutrir, a amamentação proporciona uma ligação profunda entre a mãe e filho. Ela é fundamental para o desenvolvimento de defesas contra infecções, da fisiologia e de aspectos cognitivos e emocionais da criança. Para apoiar a campanha "Agosto Dourado", que é voltada para a promoção, a proteção e o apoio ao aleitamento materno, esclarecemos diversas questões sobre a importância e o tempo de amamentação. Continue a leitura para saber mais!

Benefícios da amamentação

O leite materno é um alimento completo, fornece todos os nutrientes, vitaminas e minerais de que o bebê precisa para o seu desenvolvimento durante os primeiros meses de vida. A amamentação também tem outras vantagens:

Protege o bebê de doenças - o leite materno funciona como uma vacina natural, principalmente nos primeiros meses de vida, quando o sistema imunológico ainda é bastante frágil. Ele diminui também as chances de alergias, pneumonias, infecções e diarreias.

 
  Ainda não possui um plano de saúde?
Clique e encontre as melhores opções para você.
 

Funciona como anticoncepcional natural - a amamentação previne a gravidez nos primeiros seis meses, tempo em que a alimentação deve-se basear somente no leite materno. Isso porque que os hormônios envolvidos na produção de leite bloqueiam a ovulação. A porcentagem de mulheres que engravidam novamente enquanto estão amamentando é menor que 2%.

Evita o câncer de mama -a amamentação por 12 meses pode reduzir em quase 5% os riscos de desenvolver a doença. Esse fato está relacionado às taxas do hormônio feminino estrogênio, que caem durante o período de aleitamento.

Qual o tempo de amamentação correto?

A Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Ministério da Saúde recomendam que o tempo de amamentação seja até os dois anos de idade ou mais. Além disso, nos primeiros seis meses o bebê deve receber somente leite materno. O ideal é que a criança mame na hora e quantas vezes quiser.

Quantas vezes o bebê deve mamar por dia - é comum que o bebê em aleitamento exclusivo mame de oito a 12 vezes por dia. O tempo de amamentação pode variar. Essa quantidade grande de vezes é normal e não significa que o leite está fraco ou que a mulher está produzindo uma quantidade insuficiente.

Complementação alimentar - cuidado para não introduzir complementos alimentares de forma desnecessária. Geralmente, o leite materno proporciona todos os nutrientes que o bebê precisa. Em caso de dúvida, procure um médico para que ele possa fazer uma avaliação correta da sua saúde e da criança.

Fonte: parceiro Qualicorp.

Abrir