>

Qualicorp explica

Pesquisar Artigos
  • A importância da terapia para depressão

  • Saiba mais.
  • Publicado em: 24/09/2018 10:12

Mais de 300 milhões de pessoas sofrem de depressão no mundo segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). A terapia é uma das formas de tratamento da doença, que pode ser combinada ou não com o uso de medicamentos. Continue a leitura e conheça os benefícios da terapia para depressão.

 
  Ainda não possui um plano de saúde?
Clique e encontre as melhores opções para você.
 

O que é a terapia para depressão?

A depressão muda o humor e o jeito de ser da pessoa. Causa uma série de sintomas, como tristeza constante e sentimento de vazio, que afetam diretamente as atividades do dia a dia. Não é simplesmente uma fraqueza momentânea, é necessário buscar ajuda profissional para vencê-la e a terapia para depressão é fundamental no tratamento, pois permite:

  • Gatilhos - identificar os eventos da vida que contribuem para a depressão e encontrar maneiras de mudar, aceitar ou se adaptar a estas situações;
  • Metas - estabelecer metas realistas para o futuro;
  • Crenças - reconhecer processos de pensamento distorcidos ou comportamentos inúteis que contribuam para sentimentos de falta de esperança e desamparo, característicos da depressão;
  • Habilidades - desenvolver habilidades para lidar com sintomas e problemas, além de identificar ou prevenir futuros episódios de depressão;
  • Autocontrole - recuperar o autocontrole e o prazer em viver.

Tipos de terapia para depressão

Conheça os dois tipos de terapia para depressão mais comuns e os principais benefícios de cada:

Terapia interpessoal - ajuda a pessoa a melhorar o relacionamento com os outros, expressando melhor as emoções e resolvendo problemas de forma mais saudável. A terapia interpessoal trabalha a adaptação a eventos com potencial para desencadear ou agravar a depressão, o desenvolvimento de habilidades sociais, a organização dos relacionamentos para ter mais apoio e o enfrentamento dos sintomas depressivos.

Terapia comportamental cognitiva - auxilia a pessoa a ter mais autocontrole, identificar e saber lidar com pensamentos e comportamentos negativos que podem contribuir para a depressão. O objetivo é que a pessoa consiga identificar pensamentos inúteis ou negativos, mudar crenças e comportamentos que podem piorar a depressão, além de interagir com outras pessoas de maneira mais positiva.

Quem teve um episódio de depressão provavelmente terá outro em algum momento. No entanto, a terapia pode diminuir a chance de isto acontecer ou reduzir a intensidade dele. Falar sobre angústias, medos ou experiências ruins, sem nenhum tipo de julgamento, evita sofrimentos e permite o autoconhecimento. Se você tem depressão ou pelo menos suspeita, converse com seu médico para que ele indique o melhor tratamento para o problema. Não sofra sozinho, peça ajuda!

Fonte: parceiro Qualicorp.

Abrir