Hipertensão: cuidados com o consumo do sal

Compartilhe:
FacebookTwitterWhatsAppLinkedInShare

Segundo dados do Ministério da Saúde, 1 em cada 4 brasileiros é diagnosticado como hipertenso, ou seja, sofre de pressão alta. Apesar de considerado alto, esse quadro vem se mantendo estável nos últimos anos. De acordo com a Vigitel, pesquisa feita nas grandes capitais brasileira, em 2015 a doença afetava 24,9%, das pessoas número semelhante aos referentes a 2014, onde 24,8% da população brasileira sofria com a pressão alta.

Os números relativamente altos estão diretamente relacionados à cultura alimentar brasileira. A pesquisa, por exemplo, detectou que grande parte dos brasileiros acredita não consumir uma quantidade excessiva de sal. Crença que é derrubada pelo Ministério da Saúde, que informa que mais de 70% da população consome sódio em excesso; em média 12 gramas diárias, mais que o dobro do recomendado pela OMS (Organização Mundial da Saúde), que gira em torno de 5 gramas por dia.

Para tentar contornar a situação, desde 2011, graças a um pacto entre o Ministério da Saúde e a Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação, a quantidade de sal usada na fabricação dos alimentos vem sendo diminuída consideravelmente: cerca de 15 mil toneladas até o momento; a meta é reduzir 20 mil toneladas até 2020. Porém o maior problema ainda é a cultura do brasileiro; grande parte do sal presente na comida é adicionado na preparação doméstica.

Apesar do mal hábito alimentar e do alto índice de hipertensos, o número de internações pela doença diminuiu 33%, passando de 61 para 41 por 100 mil habitantes. Essa redução se deve a uma junção de fatores, que incluem o maior acesso aos medicamentos, a já comentada redução de sódio, e também a uma tomada de consciência individual, em que as pessoas passam a ver a necessidade de praticar atividades físicas, por exemplo.

Porém é importante lembrar que você é muito mais que uma estatística e também o maior interessado em seu próprio bem estar. Adeque seu cardápio a uma comida menos salgada e reserve um horário para as atividades físicas. Embora essas mudanças de hábito não sejam tão fáceis, a melhora que sua saúde terá certamente compensará o esforço.

Produção de conteúdo Qualicorp.

Abrir

Compartilhe:
FacebookTwitterWhatsAppLinkedInShare

Central de Serviços

Consultas, solicitações e informações sobre seu plano.

Baixe nosso aplicativo

Boletos, Demonstrativo de IR, carteirinha e atendimento de um jeito prático.

Serviços úteis para você ter mais agilidade e segurança ao usar seu plano de saúde

Atendimento digital

Se preferir adicione (11) 4004-4400 no seu celular.

Dúvidas frequentes

Clique aqui e acesse as dúvidas mais comuns de nossos clientes.

Atendimento por telefone

Segunda a sexta: 7h às 22h

Sábados: 8h às 14h (exceto feriados)

4004-4400

(Capitais e regiões metropolitanas)

0800 016 2000

(Demais regiões)

SAC

Reclamações, cancelamentos e informações sobre a Qualicorp, 24h por dia, todos os dias.

Vendas

Comercialização de planos de saúde para você ou para sua empresa.

Para você

Planos de saúde para categorias profissionais.

Se preferir adicione (11) 3178-4000 no seu celular.

ou ligue para:

(11) 3178-4000

(São Paulo)

0800 777 4004

(Demais regiões)

Para Sua Empresa

Soluções para empresas de todos os tamanhos

Empresas até 199 vidas (PME Qualicorp)

Solicite uma cotação:

ou ligue para: (11) 3149-8305

Segunda a sexta: 9h às 18h
Para saber mais sobre as soluções PME, clique aqui.

Empresarial

Segunda a sexta: 7h às 22h

(11) 3146-1012

Para solicitar uma cotação ou conhecer melhor as soluções da Qualicorp para benefícios corporativos, clique aqui.