Hepatites virais

Compartilhe:
FacebookTwitterWhatsAppLinkedInShare

A hepatite é uma patologia que causa a inflamação do fígado. É causada geralmente por vírus, mas também pode ser causada por alguns medicamentos, álcool e outras drogas.

No Brasil, as hepatites virais mais comuns são as causadas pelos vírus A, B e C. Milhões de pessoas no país são portadoras dos vírus B ou C e não sabem, aumentando as chances de evolução da doença e o surgimento de complicações, como cirrose e câncer. Existem, ainda, os vírus D e E, mais frequentes na África e na Ásia.

Formas de transmissão

• Vírus A e E:
– Contágio fecal-oral, devido a condições precárias de saneamento básico e água, má higiene pessoal e dos alimentos

• Vírus B, C e D:
– Transmissão sanguínea por compartilhamento de seringas, agulhas, lâminas de barbear, alicates de unha e outros objetos que furam ou cortam

• Prática de sexo desprotegido

• Da mãe para o bebê durante a gravidez, o parto e a amamentação

Sinais e sintomas

Na maioria dos casos, as hepatites virais são doenças silenciosas, o que reforça a necessidade de ir ao médico regularmente e de fazer os exames de rotina que detectam os vários tipos de hepatites. Quando os sintomas aparecem, geralmente a doença já está em estágio avançado. Os mais comuns são:

• Febre
• Dor abdominal
• Enjoo, náuseas
• Vômitos
• Perda de apetite
• Urina escura (cor de Coca-Cola)
• Icterícia (olhos e pele amarelados)
• Fezes esbranquiçadas

Vacinação

Atualmente existem vacinas para a prevenção das hepatites A e B. O Ministério da Saúde oferece vacina contra a hepatite B nos postos de saúde do SUS e contra a hepatite A nos Centros de Referência de Imunobiológicos Especiais (CRIE).

Não existe vacina contra a hepatite C, o que reforça ainda mais a necessidade de atentar-se às formas de transmissão e prevenir a contaminação.

Consulte regularmente o seu médico.