O que é meningite, tipos da doença

Compartilhe:
FacebookTwitterWhatsAppLinkedInShare

Meningite é o nome dado para a inflamação da meninge, a membrana que recobre o cérebro e a medula espinhal. Potencialmente grave, a doença é normalmente causada por agentes infecciosos, como bactérias, vírus e fungos.

Apesar de ser habitualmente causada por germes infecciosos, a meningite também pode ter origem em processos inflamatórios, como câncer com metástases para as meninges, lúpus, reação a algumas drogas, traumatismo craniano e cirurgias cerebrais. Apenas as meningites bacterianas e virais são contagiosas.

Segundo o infectologista Alberto Chebabo, as meningites virais, que são causadas por meningococos, pneumococos e pelo haemophilus influenzae tipo b, provocam pus e o organismo não consegue combatê-las sozinho.

A meningocócica e a haemoppholus influenzae b, assim como as virais, são transmitidas por via aérea através de gotículas de saliva. Mas o especialista explica que precisa haver um contato próximo por mais de uma hora. Já a pneumocócica se desenvolve a partir de uma infecção preexistente, não sendo comum o contágio de pessoa a pessoa.

Meningite bacteriana

É a forma mais grave e costuma ser causada pelas bactérias Streptococcus pneumoniae, Haemophilus influenzae ou Neisseria mengitidis. Outras bactérias também podem causá-la, mas não são tão comuns.

Atualmente, a Neisseria mengitidis, também conhecida como meningococo, é a principal causa de meningite bacteriana em crianças e adultos. Algumas doenças de origem bacteriana, como a sífilis e a tuberculose também podem complicar, evoluindo com o acometimento das meninges.

Meningite viral

É causada normalmente por vírus da família dos Enterovírus. Menos agressiva que a bacteriana, tem taxa de mortalidade bem mais baixa e resolução espontânea, sem necessidade de tratamento específico na maioria dos casos.

Embora os Enterovírus sejam os agentes mais comuns, diversas infecções virais podem complicar, acometendo as meninges, como HIV, herpes, caxumba, varicela zoster, Epstein-Barr (vírus da mononucleose) e citomegalovírus.

Meningite fúngica

Forma rara geralmente causada da propagação de um fungo do sangue para as meninges. É típica de pacientes imunossuprimidos, como nos casos de Aids ou câncer. Ela não é contagiosa e sua principal causa são os fungos Cryptococcus e Coccidioides.

Sintomas e tratamento

A meningite bacteriana é um quadro grave e agudo. Já a meningite viral não é tão grave e o paciente costuma melhor espontaneamente ao longo dos dias. Entretanto, não é possível distinguir um tipo do outro apenas pelos sintomas, pois todos os quadros de meningite são semelhantes no início.

A meningite bacteriana é uma emergência médica e o tratamento com antibióticos intravenosos deve ser iniciado o mais rápido possível, de preferência logo após a realização da punção lombar. O quadro típico é de febre alta, rigidez da nuca, dor de cabeça intensa e prostração.

A demora de apenas algumas horas pode ter influência no prognóstico. Se há suspeita de meningite, o paciente deve ser encaminhado imediatamente para um setor de emergência.

Na meningite viral, antibióticos não são necessários e muitas vezes o paciente nem sequer precisa ser internado. O tratamento é apenas dos sintomas. O quadro só é preocupante em recém-nascidos.

As vacinas estão disponíveis para prevenção das principais causas de meningite bacteriana. As vacinas disponíveis no calendário de vacinação da criança do Programa Nacional de Imunização são:

•Vacina meningocócica conjugada sorogrupo C – protege contra a Doença Meningocócica causada pelo sorogrupo C;
•Vacina pneumocócica 10-valente (conjugada) – protege contra as doenças invasivas causadas pelo Streptococcus pneumoniae, incluindo meningite;
•Vacina Tetravalente (DTP+Hib) – protege contra as doenças invasivas causadas pelo Haemophilus influenzae sorotipo b, como meningite, e também contra a difteria, tétano e coqueluche;

A quimioprofilaxia está indicada para contatos de casos de Doença Meningococica e meningite por Haemophilus influenzae.

Referências:
http://portal.saude.gov.br/portal/saude/profissional/area.cfm?id_area=1563
http://www.mayoclinic.com/health/meningitis/DS00118

Compartilhe:
FacebookTwitterWhatsAppLinkedInShare

Central de Serviços

Consultas, solicitações e informações sobre seu plano.

Baixe nosso aplicativo

Boletos, Demonstrativo de IR, carteirinha e atendimento de um jeito prático.

Serviços úteis para você ter mais agilidade e segurança ao usar seu plano de saúde

Atendimento digital

Se preferir adicione (11) 4004-4400 no seu celular.

Dúvidas frequentes

Clique aqui e acesse as dúvidas mais comuns de nossos clientes.

Atendimento por telefone

Segunda a sexta: 7h às 22h

Sábados: 8h às 14h (exceto feriados)

4004-4400

(Capitais e regiões metropolitanas)

0800 016 2000

(Demais regiões)

SAC

Reclamações, cancelamentos e informações sobre a Qualicorp, 24h por dia, todos os dias.

Vendas

Comercialização de planos de saúde para você ou para sua empresa.

Para você

Planos de saúde para categorias profissionais.

Se preferir adicione (11) 3178-4000 no seu celular.

ou ligue para:

(11) 3178-4000

(São Paulo)

0800 777 4004

(Demais regiões)

Para Sua Empresa

Soluções para empresas de todos os tamanhos

Empresas até 199 vidas (PME Qualicorp)

Solicite uma cotação:

ou ligue para: (11) 3149-8305

Segunda a sexta: 9h às 18h
Para saber mais sobre as soluções PME, clique aqui.

Empresarial

Segunda a sexta: 7h às 22h

(11) 3146-1012

Para solicitar uma cotação ou conhecer melhor as soluções da Qualicorp para benefícios corporativos, clique aqui.