>

Sala de Imprensa

Pesquisar Artigos

 

  • Qualicorp é destaque em curso de capacitação da Senacon

  • Saiba mais.
  • Publicado em: 29/03/2019 16:12

Juliana Pereira

Primeira empresa do setor de saúde a participar do projeto, companhia capacitou mais de 400 funcionários em 2018

A Qualicorp obteve desempenho de destaque no curso "CapacitAÇÃO: inovação em prol do consumidor", realizado pela Senacon (Secretaria Nacional do Consumidor) em parceria com a Escola Nacional de Defesa do Consumidor e com o Consumidor.gov.br.

Durante o seminário "Desjudicialização, Proteção e Defesa do Consumidor", realizado neste mês em Brasília (DF), a Senacon divulgou os resultados nacionais da primeira edição do programa, referentes a 2018. A Qualicorp foi reconhecida como a segunda empresa que mais capacitou funcionários em todo o país, alcançando a marca de mais de 400 colaboradores treinados. Além disso, a companhia também foi uma das três empresas que concluíram todos os módulos do curso.

A Qualicorp foi a primeira companhia do setor de saúde e a segunda no país a aderir ao projeto, que possui certificação pela Escola Nacional de Defesa do Consumidor e pela Universidade de Brasília (UnB). O foco do curso, que tem 6 cursos e duração de aproximadamente 8 meses, é aperfeiçoar o atendimento ao cliente por meio da educação de consumidores, órgãos de defesa do consumidor e representantes do mercado.

Empresa de saúde que mais resolve

Durante o evento, a Senacon divulgou também os dados do boletim Sindec (Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor) referentes a 2018. Novamente, a Qualicorp aparece em destaque: a companhia ocupa a primeira posição no índice de resolutividade nas demandas de clientes entre as empresas de saúde suplementar. Neste quesito, a Qualicorp alcançou a marca de aproximadamente 90% de resolutividade, enquanto a média das empresas do setor ficou em 80%.

A companhia também reduziu o número de demandas de consumidores recebidas. Entre 2017 e 2018, esse indicador caiu cerca de 25%, enquanto a média das empresas do setor de saúde suplementar teve alta de 0,7%.

Abrir