>

Qualicorp explica

Pesquisar Artigos
  • Ômega 3 auxilia nos casos de ansiedade e estresse

  • Saiba mais.
  • Publicado em: 25/09/2017 16:59

O ômega 3 é um conjunto de ácidos graxos, que são gorduras boas que o nosso corpo não é capaz de produzir e, por isso, precisa adquirir na alimentação. Essencial para a saúde, o ômega 3 auxilia no controle da ansiedade, do estresse e até da depressão. Ele é composto por três ácidos, que proporcionam os seguintes benefícios:

Ácido docosahexaenoico (DHA) - melhora sintomas relacionados à depressão, pois é capaz de melhorar a ligação entre neurotransmissores e receptores.

Ácido eicosapentaenoico (EPA) - aumenta o suprimento de oxigênio e glicose para o cérebro protegendo-o do processo oxidativo (que acontece quando a formação de radicais livres excedem à capacidade do nosso corpo de eliminá-los).

 
  Ainda não possui um plano de saúde?
Clique e encontre as melhores opções para você.
 

Ácido alfa-linolênico (ALA) - ajuda na manutenção das membranas celulares e funções cerebrais. Pode se transformar em EPA e em DHA depois que é ingerido.

Alimentos ricos em ômega 3

Além de ajudar nos casos de ansiedade e uma série de outros problemas, o ômega 3 é fundamental para o bom funcionamento do organismo. Conheça alguns alimentos que são ricos na substância para você inclui-los na sua dieta:

Peixe - os peixes com mais ômega 3 são os de água fria, como, por exemplo, a sardinha e o atum. A tilápia, também de água fria, não é tão saudável porque contêm níveis mais altos de ácidos gordurosos ruins. Para adultos, é recomendado o consumo de, ao menos, duas porções (240 gramas) de peixes ricos em ômega 3 por semana.

Nozes - entre os alimentos oleaginosos, as nozes são as campeãs em quantidade de ômega 3. Além disso, elas têm fibra e vitaminas antioxidantes.

Linhaça - as sementes de linhaça e o óleo de semente de linho são excelentes fontes de ômega 3. A melhor forma de consumi-las é moendo as sementes.

Vegetais de folhas verde-escuras - além de cálcio e ferro, o espinafre e o brócolis têm ômega 3. Estes são os dois vegetais verde-escuros que mais se destacam por suas concentrações do nutriente.

Além dos alimentos ricos em ômega 3, alguns médicos recomendam a suplementação através de cápsulas. Mas, os suplementos de ômega 3 têm contraindicações e só devem ser consumidos após orientação médica.

Fonte: Site Minha Vida

Abrir