>

Qualicorp explica

Pesquisar Artigos
  • Como escolher um psicólogo?

  • Saiba mais.
  • Publicado em: 30/01/2020 17:23

Saúde e Bem-Estar 31. Janeiro 2020

Aquela frase de que "terapia é para quem está em um caos emocional" não é bem verdade. Pequenos desconfortos já podem sinalizar a necessidade da busca de ajuda psicológica, evitando chegar a um caos emocional que por vezes é gerador de doenças crônicas e transtornos psiquiátricos.

Frequentar um psicólogo também é para quem quer cuidar da mente, ganhar autoconhecimento, melhorar o convívio com as pessoas e prevenir doenças como estresse e ansiedade.

É comum surgirem dúvidas sobre quais aspectos deve-se levar em conta na hora de procurar ajuda.

 
  Ainda não possui um plano de saúde?
Clique e encontre as melhores opções para você.
 

1. Onde começar a buscar?

Sua busca pode seguir diversas frentes:

Pedir indicação ao seu médico de confiança; Procurar em universidades de psicologia de sua cidade; Pedir indicação a familiares e amigos, lembrando que a identificação com o profissional é pessoal.

2. Entrevista psicológica

A entrevista psicológica acontece nos primeiros encontros do ciclo terapêutico, podendo levar de um a quatro encontros, pois busca-se levantar a história de vida do paciente em todos os aspectos. Este é o início de um relacionamento profissional, não íntimo, para a criação de um vínculo que servirá de base para adesão à terapia.

3. Primeiro encontro com o seu terapeuta

Algumas questões que você não pode deixar de considerar:

Finanças - não deixe de saber o valor da consulta, se seu plano de saúde, caso tiver, cobre esse tipo de serviço ou se há reembolso.

Frequência - estabeleça horários, frequências e limite de tempo dos atendimentos.

Cancelamento de consultas - consulte previamente a política de cancelamento das consultas com o seu psicólogo. Alguns consultórios exigem uma antecedência caso vá remarcar ou cancelar um horário e, caso não cumpra, o valor da consulta é cobrado.

Consultas via web conferência - o Conselho Federal de Psicologia já permite que o psicólogo realize atendimento por web conferência, o que pode facilitar em dias que você não puder comparecer pessoalmente. Porém, é preciso que o profissional esteja com um registro específico para este atendimento no Conselho Regional de Psicologia. Informe-se com ele.

Facilitadores - espera-se de do psicólogo e paciente uma comunicação aberta, considerando as diversas formas de comunicação (fala, escuta ativa, linguagem corporal e etc). É preciso estar presente de fato na sessão, não apenas comparecer superficialmente, mas se comprometer com os objetivos.

Fonte: parceiro Qualicorp.

Abrir