>

Qualicorp explica

Pesquisar Artigos
  • Conheça os benefícios dos alimentos integrais

  • Saiba mais.
  • Publicado em: 14/10/2015 15:06

Grande parte dos alimentos consumidos atualmente passa por refinamento, que tem como objetivo dar maior durabilidade e proporcionar uma textura mais agradável aos produtos. No entanto, esse processo faz com que esses produtos percam suas propriedades nutricionais. Já os alimentos integrais não sofrem qualquer tipo de modificação industrial, preservando seus nutrientes e sendo uma opção mais saudável.

Excelentes fontes de fibras, os alimentos que fazem parte desse grupo são, basicamente, grãos e cereais. É interessante incluir no cardápio diário alguns dos itens a seguir:

1- Arroz integral;

2- Açúcar mascavo;

3- Farinha de trigo integral;

4- Pão de centeio;

5- Cevada em grão (cevadinha);

6- Trigo em grão;

7- Espaguete integral.

 
  Ainda não possui um plano de saúde?
Clique e encontre as melhores opções para você.
 

Os principais benefícios dos alimentos integrais são:

1- Redução dos níveis de colesterol e glicose no sangue

Os cereais integrais contêm farelo e fibra, que retardam a decomposição do amido em glicose, mantendo estáveis os níveis de açúcar no sangue. Além disso, as fibras solúveis, como farelo de aveia, feijão, leguminosas, frutas e hortaliças, combatem o colesterol ruim, o LDL.

2- Sensação de saciedade

Quando ingerido, o alimento integral absorve grande quantidade de água e formam géis que forram a parede do estômago. É por isso que, apesar de os alimentos integrais apresentarem mais calorias do que os refinados, eles auxiliam na perda de peso, pois a sensação de fome diminui e a pessoa come menos.

3- Regulação do intestino

As fibras ajudam na regularidade do funcionamento intestinal. Além disso, aumentam a quantidade de bactérias benéficas (lactobacilos) e diminuem a quantidade daquelas que podem causar doenças intestinais. Para alcançar tais benefícios, é preciso ingerir cerca de dois litros de água por dia.

4- Prevenção de doenças

Estudos sugerem que alimentos integrais reduzem o risco de uma pessoa desenvolver alguns tipos de câncer, AVC, asma, problemas cardíacos e diabetes tipos 2.

Mas é preciso tomar cuidado com exageros. É recomendada a ingestão de 25 gramas de fibra por dia, que não deve ser concentrada em apenas um tipo de alimento.

Referências

http://www.hsph.harvard.edu/nutritionsource/whole-grains/

http://www.minhavida.com.br/alimentacao/materias/12257-farelos-e-cereais-integrais-devem-ser-consumidos-na-medida-certa

Abrir